Autor Tópico: Abaixo assinado, ajudem!  (Lida 358 vezes)

André Luis Jacob

  • Trade Count: (3)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.309
  • Sexo: Masculino
    • Jacob Fotografia Criativa
Online: 02 de Fevereiro de 2014, 16:25:03
Ola pessoa, aqui na minha cidade esta rolando uma comoção muito grande de um caso de uma menina que foi retirada das madrinhas que cuidavam dela e levadas ao conselho tutelar, a menina era amada e hoje nao esta mais com as madrinhas.

Segue o texto explicando a historia:

Ana Luiza filha de Ivonete que mora na Boa Esperança, Sombrio. Estava tendo alguns problemas de saude como, anemia profunda. Ivonete convidou Taise Martins para ser madrinha de batismo, e um certo dia encontrou Taise e pediu pra ela levar a menina ao médico, e depois dali pediu para ela cuidar da criança pois estava gravida e nao tinha condições de cuidar dos dois. Taise cuidou da menina como uma mae, ficou dias em claro no hospital pois a anemia estava virando leucemia. Hoje a menina faz fisioterapia, apos tudo isso acontecer, todos se apegarem na pequena Aninha, nisto vem o conselho tutelar e tira a menina dos braços dela pra levar para uma casa lar. Entao pergunto - sera que la era tera mais amor do que estava tendo? Sera que la eles vao se preocupar com o tratamento da pequena? Pois é, o juiz achou melhor ela ficar la, pois eles vao decidir se entregam para alguem da família que tenha condições ou se entregam para alguem que estava na fila de adoção.
 Então criamos um abaixo assinado para que possamos provar que o juiz esta errado em separar o que Deus uniu... que o lugar da Aninha é ao lado de quem acolheu e a amou. Assinem, divulguem..

http://www.peticaopublica.com.br/viewsignatures.aspx?pi=voltaaninhaabaixoass&page=1


C R O I X

  • Trade Count: (0)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.926
  • Sexo: Masculino
  • Fotografo Multiformato
    • Marcio Faustino
Resposta #1 Online: 03 de Fevereiro de 2014, 11:40:52
A historia eh bonita e comovente, mas como eu nao conheco a pessoa que estava criando a crianca, o ambiente em que moram, como posso saber se realmente sao condicoes melhores do que o abrigo?

Nao que eu esteja desconfiado da historia ou da intencao das pessoas. Muito pelo contrario, acho que todos querem ajudar e tentar fazer o bem, mas acontece de muitas vezes acharmos que pq esta perto de alguem que da carinho, que eh mais proximo e diz que ama, eh melhor? E isso nem sempre eh verdade. Por isso nao eh algo que acho que devo ficar assinando sem ter averiguado.

Na verdade eu nao acho correto as pessoas ficarem assinando documentos aprovando ou indo contra sobre o que ouviu dizer ou que nao tem uma abordagem de alguma instituicao social ou jornalistica, ou associacoes mais seria com analises e dados mais concretos. Eu penso que eh uma questao mais local, da associacao de bairro, da comunidade, de quem conhece a familia, vizinhos, parentes, funcionarios da escola e hospital onde elas esteve frequentando, etc. E nao de quem nao tem conhecimento da realidade e contato dessas pessoas.

E tambem acredito que um lista de assinaturas de  pessoas da comunidade, rua, etc, etc, tem mais credibilidade e eh mais seria do que um uma lista de assinaturas de pessoas que apenas assinaram uma historia bonita e nao tem real conhecimento dos fatos, local, pessoas.

-

Estou expondo minha opiniao aqui pq acho um assunto interessante. E tambem pq tenho pensado sobre a onda de maneifestacoes, reclamacoes e lista de assinaturas de brasileiros que tenho visto no feeds do Facebook. E por mais que eu concorde que a internet eh uma otima ferramenta de divulgacao, concientizacao e organizacao de grupos, eu temo que as pessoas estejam se acomodando na internet, da mesma forma que antes so se acomodavam nos bares e nas salas de suas casas. Enquanto aqueles que saem as ruas sao os bardeneiros que atrapalham o transito e fazem os cidadoes de bem perderem suas novelas, telejornais e dao a impressao de fazerem se sentirem mais politizados com os problemas que as novelas e telejornais apresentam.

Eu nao duvido nada, por exemplo, que realmente essa crianca tinha condicoes de vida e cuidado melhor com a madrinha, e o Juiz possa ser associado a aliancas politicas onde tambem tem acordos com os diretores (se for publico) ou donos (se for privado) da instituicao que cuida das criancas sem parentes, pq essas instituicoes recebem dinheiro do governo, pelo numero de crianca que tem e quanto mais melhor, e de doacoes em que a maioria das empresas e ONGs usam para lavar dinheiro. Entao acho que eh uma questao mais complexa do que a mera decisao de assinar ou nao um papel.

Infelizmente, tem pessoas que acham que em 2014 politicos e empresarios nao financiam e favorecem uns aos outros, localmente, nacionalmente ou globalmente. E esses brasileiros ditos instruidos, informados e politizados ficam reclamando achando que o problema do Brasil eh a educacao publica de baixa qualidade, ou seja, os excluidos, os pobres, os politicos. Os outros.

-

Eu nao sou malvado... Eu procuro sim ajudar as pessoas. Em Sao Paulo eu participada das reunioes da subprefeitura do Butantan de onde morava, me informava sobre o orcamento, investimentos, problemas do bairro. Eu tinha um blog para mostrar a minha abordagem sobre as questoes do bairro. E assinava listas de pessoas que precisavam de apoio popular, quando eu achava legitimo, mas antes de assinar eu era informado melhor sobre as questoes. Eu fazia isso pq eu sei que o Presidente, os palarmentares, deputados e os prefeitos nao podem fazer muito pelas questoes mais locais, fica a cargo do sub-prefeito que nao aparece nas noticias, nas criticas das grandes imprensas e nem lembrados em muitos casos quando sao culpados por desvio de dinheiro e/ou mal investimentos, e aqueles que preferiram ficar em casa se sentido politizados assistindo novela e telejornal ficam reclamando nos bares e escritorios do prefeito, presidente dizendo que os culpados sao os "ignorantes" (vitimas da ma educacao do sistema educacional) que nao sabem votar.
« Última modificação: 03 de Fevereiro de 2014, 11:51:01 por C R O I X »