Autor Tópico: Dois ou mais pontos AF simultaneamente?  (Lida 1787 vezes)

Photo Jr.

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 28
Online: 18 de Março de 2014, 22:55:49
Oi pessoal!

Ao definir que a câmera vai selecionar o ponto AF automaticamente, pode acontecer da câmera usar dois ou mais pontos na hora do foco.
Existe uma maneira de definir manualmente mais de um ponto?
Teoricamente, é possível, pois se automaticamente a câmera faz, pq que manualmente não seria?

 :ponder:

Abs



NATTIS

  • Trade Count: (1)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 2.230
  • Sexo: Masculino
Resposta #1 Online: 18 de Março de 2014, 23:00:54
Oi pessoal!

Ao definir que a câmera vai selecionar o ponto AF automaticamente, pode acontecer da câmera usar dois ou mais pontos na hora do foco.
Existe uma maneira de definir manualmente mais de um ponto?
Teoricamente, é possível, pois se automaticamente a câmera faz, pq que manualmente não seria?

 :ponder:

Abs

A câmera prioriza o foco do ponto central para fora. No caso de mais de 1 ponto achar o foco é porque foi encontrado na mesma distancia.


Kokimoto

  • Trade Count: (30)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.091
    • Mototuristas
Resposta #2 Online: 18 de Março de 2014, 23:10:17
Não dá para selecionar dois manualmente. Se fosse possível, como a câmera saberia qual você quer usar?
D600 - E-M10


AlexandreS

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.251
Resposta #3 Online: 18 de Março de 2014, 23:15:33
Não tenho muita experiência com isso, mas pelo que sei em algumas câmeras vc pode determinar que setor usar, em um processo metade manual, metade automático. Vc determina o setor e a câmera irá escolher o ponto de foco que julgar mais adequado dentro deste setor.

Nas Canon de 9 pontos de foco como a 60D, quando se instala o Magic Lantern existe essa possibilidade, vc pode dizer para a câmera usar por exemplo apenas os pontos de foco horizontais centrais, ou apenas os tres do lado esquerdo, ou então todos os do lado esquerdo e assim por diante. É bastante útil em conjunto com AI-Servo para acompanhar objetos em movimento.

Canon 60D - Canon 450D XSi
Tamron 17-50 f/2.8 VC - EF 50mm f/1.8 - EF 28-135 USM IS - EF-S 55-250 IS
SMC Takumar 50mm f/1.4 - S-M-C Takumar 135mm f/2.5 e mais alguns vidrinhos M42
Speedlite 430EX II - YongNuo YN460


Photo Jr.

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 28
Resposta #4 Online: 18 de Março de 2014, 23:18:32
Não dá para selecionar dois manualmente. Se fosse possível, como a câmera saberia qual você quer usar?

Teoricamente, a lente focaria em dois ou mais pontos...

Se a resposta do NATTIS está certa, a câmera consegue focar em dois pontos e ai, entendo eu, "ampliar" a área de foco.


AlexandreS

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.251
Resposta #5 Online: 18 de Março de 2014, 23:28:52
Teoricamente, a lente focaria em dois ou mais pontos...

Se a resposta do NATTIS está certa, a câmera consegue focar em dois pontos e ai, entendo eu, "ampliar" a área de foco.

Não.. Na hipótese de vc setar dois pontos de foco, a câmera irá focar no objeto mais próximo. Se os dois pontos de foco acenderem, é porque os dois pontos de foco estão sobre objetos dentro da área de foco. A única de "ampliar" a área de foco é diminuindo a abertura.

Nas Canon de entrada tem uma função no dial que faz o processo inverso, chamado A-DEP. Nesta, a câmera tenta setar uma abertura que seja suficientemente pequena para colocar todos os objetos que estão sob os pontos de foco em foco (ficou estranho isso  :ponder:). Mas isso se faz, como dito, diminuindo a abertura da lente. É uma forma automática de garantir que tudo estará em foco. Aliás A-DEP é abreviação para Auto Depth of Field.  :ok:

« Última modificação: 18 de Março de 2014, 23:29:39 por AlexandreS »

Canon 60D - Canon 450D XSi
Tamron 17-50 f/2.8 VC - EF 50mm f/1.8 - EF 28-135 USM IS - EF-S 55-250 IS
SMC Takumar 50mm f/1.4 - S-M-C Takumar 135mm f/2.5 e mais alguns vidrinhos M42
Speedlite 430EX II - YongNuo YN460


Photo Jr.

  • Trade Count: (0)
  • Novato(a)
  • Mensagens: 28
Resposta #6 Online: 18 de Março de 2014, 23:36:14
Não.. Na hipótese de vc setar dois pontos de foco, a câmera irá focar no objeto mais próximo. Se os dois pontos de foco acenderem, é porque os dois pontos de foco estão sobre objetos dentro da área de foco. A única de "ampliar" a área de foco é diminuindo a abertura.

Nas Canon de entrada tem uma função no dial que faz o processo inverso, chamado A-DEP. Nesta, a câmera tenta setar uma abertura que seja suficientemente pequena para colocar todos os objetos que estão sob os pontos de foco em foco (ficou estranho isso  :ponder:). Mas isso se faz, como dito, diminuindo a abertura da lente. É uma forma automática de garantir que tudo estará em foco. Aliás A-DEP é abreviação para Auto Depth of Field.  :ok:



Sim, sim!

Diminuindo a abertura o foco vai ser expandido, eu sei.
A dúvida era mesmo com relação ao número de ponto focal... já que no automático pega mais de um... enfim, não dá mesmo... hehe

Fiquei com essa dúvida, pq vendo fotos feitas com câmeras médio formato, me parece que as fotos tem uma área maior de foco, mesmo em aberturas grandes.
Achei que isso seria possível.


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #7 Online: 19 de Março de 2014, 08:47:20
Sim, sim!

Diminuindo a abertura o foco vai ser expandido, eu sei.
A dúvida era mesmo com relação ao número de ponto focal... já que no automático pega mais de um... enfim, não dá mesmo... hehe

Fiquei com essa dúvida, pq vendo fotos feitas com câmeras médio formato, me parece que as fotos tem uma área maior de foco, mesmo em aberturas grandes.
Achei que isso seria possível.

É porque a zona de foco aceitável (ou profundidade de campo/DOF) é diretamente proporcional ao tamanho do sensor. Maior sensor, maior DOF (mantendo-se todas as outras variáveis, invariáveis  :D )

Na prática:
Em APS-C com objetiva de 50mm com sujeito a 5m e abertura em 1.0 se obtém um DOF de 0,39m.
Em FF com objetiva 50mm com sujeito a 5m e abertura em 1.0 se obtém um DOF de 0,6m.

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova


craveirojr

  • Trade Count: (2)
  • Freqüentador(a)
  • **
  • Mensagens: 306
Resposta #8 Online: 19 de Março de 2014, 08:49:44
Não tenho muita experiência com isso, mas pelo que sei em algumas câmeras vc pode determinar que setor usar, em um processo metade manual, metade automático. Vc determina o setor e a câmera irá escolher o ponto de foco que julgar mais adequado dentro deste setor.

Nas Canon de 9 pontos de foco como a 60D, quando se instala o Magic Lantern existe essa possibilidade, vc pode dizer para a câmera usar por exemplo apenas os pontos de foco horizontais centrais, ou apenas os tres do lado esquerdo, ou então todos os do lado esquerdo e assim por diante. É bastante útil em conjunto com AI-Servo para acompanhar objetos em movimento.

Aproveitando Alexandre como faço essa configuração no magic lantern?
Canon 60d
Canon EF 40mm f/2.8 STM Lens | Canon EF-S 10-18mm f/4.5-5.6 IS STM | Canon EF-S 18-135mm f/3.5-5.6 IS

Pentax kx
SMC Pentax-DA L 50-200mm F4-5.6 ED|Sigma 35-80mm F4-5.6 DL AF


padilhadim

  • Trade Count: (23)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 711
    • DIM Fotografia
Resposta #9 Online: 19 de Março de 2014, 09:01:53
Em uma imagem existe apenas um plano focalizado, e todos os pontos que encontram-se alinhados a este plano (lâmina) na imagem  aparecem em foco.
Já a profundidade de campo é toda fatia da imagem que está nítida, mas não encontra-se exatamente no plano focal.

Então, mesmo que haja o recurso de selecionar manualmente dois pontos AF na câmera, os objetos na imagem só estarão realmente em foco se estiverem no mesmo plano focal, que é apenas um. Caso contrário, um pode estar em foco (por estar no plano focal) e o outro apenas nítido (se estiver dentro da profundidade de campo).

 :ok:


Claudio Rombauer

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.465
  • Sexo: Masculino
Resposta #10 Online: 19 de Março de 2014, 09:11:48
Foco nunca se expande, é sempre em um único plano de espessura tendendo a zero. Independente da profundidade de campo.


affalcao

  • Trade Count: (5)
  • Membro Ativo
  • ***
  • Mensagens: 938
  • Sexo: Masculino
Resposta #11 Online: 19 de Março de 2014, 09:51:06
Em uma imagem existe apenas um plano focalizado, e todos os pontos que encontram-se alinhados a este plano (lâmina) na imagem  aparecem em foco.
Já a profundidade de campo é toda fatia da imagem que está nítida, mas não encontra-se exatamente no plano focal.

Então, mesmo que haja o recurso de selecionar manualmente dois pontos AF na câmera, os objetos na imagem só estarão realmente em foco se estiverem no mesmo plano focal, que é apenas um. Caso contrário, um pode estar em foco (por estar no plano focal) e o outro apenas nítido (se estiver dentro da profundidade de campo).

 :ok:

Interessante. Pra mim se a imagem estava nítida, estava em foco.  Aliás, por esse conceito, é quase impossível definir então onde está o foco de uma foto quando a imagem está dentro da profundidade de campo, nítida.

Mas quanto ao assunto do tópico, outro dia tive a mesma dúvida. Mas pensando bem , realmente não faz sentido poder escolher mais de um ponto de foco simultaneamente.  :aua:
Canon T3 (1100 D) + 10-18mm + 55-250mm
Nikon D3300 + 18-55 + 35mm 1.8


AlexandreS

  • Trade Count: (2)
  • Colaborador(a)
  • ****
  • Mensagens: 4.251
Resposta #12 Online: 19 de Março de 2014, 10:03:16
Foco nunca se expande, é sempre em um único plano de espessura tendendo a zero. Independente da profundidade de campo.

Exato. O que existe é o conceito de "nitidez aceitável". Mas o foco é sempre em um plano único.

Mas pensando bem , realmente não faz sentido poder escolher mais de um ponto de foco simultaneamente.  :aua:

Faz sentido no caso de fotografia de objetos em movimento. Por exemplo, estes dias fiz algumas fotos de pássaros em vôo e usei os pontos centrais. Aí vc acompanha o pássaro voando (usando AI-Servo, claro) e mesmo que ele "escape" de um ponto de foco, outro ponto próximo irá pegá-lo. Já usei para fazer fotos da minha filha correndo também :)

Aproveitando Alexandre como faço essa configuração no magic lantern?

Não lembro se tem que setar alguma configuração para ativar a função. Para usar na 60D, é só usar as setas do multicontroller.

http://wiki.magiclantern.fm/userguide#focus_patterns

Os padrões que podem ser utilizados são estes:



Canon 60D - Canon 450D XSi
Tamron 17-50 f/2.8 VC - EF 50mm f/1.8 - EF 28-135 USM IS - EF-S 55-250 IS
SMC Takumar 50mm f/1.4 - S-M-C Takumar 135mm f/2.5 e mais alguns vidrinhos M42
Speedlite 430EX II - YongNuo YN460


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #13 Online: 19 de Março de 2014, 11:23:51
Interessante. Pra mim se a imagem estava nítida, estava em foco.  Aliás, por esse conceito, é quase impossível definir então onde está o foco de uma foto quando a imagem está dentro da profundidade de campo, nítida.

Mas quanto ao assunto do tópico, outro dia tive a mesma dúvida. Mas pensando bem , realmente não faz sentido poder escolher mais de um ponto de foco simultaneamente.  :aua:

A compreensão da diferenciação de ponto de foco e zona de nitidez aceitável (parafraseando o ALexandre) passa pelo aprendizado do que é CdC (círculo de confusão/ CoC em inglês).
Quando o CoC for suficiente para sua acuidade visual, a imagem estará nítida. Quando for insuficiente, sem nitidez.
Assim, a mesma imagem pode ter sua nitidez variável pelo tamanho da ampliação, e consequentemente aumento do CoC.
Uma grande ampliação, como um out-door, tem uma determinada zona de nitidez aceitável quando visualizado a 20m de distância. Se você se aproximar dele, a zona de nitidez muda.
Perceba que não é o DOF da foto que mudou. Foram seus olhos que conseguiram distinguir o CoC e a nitidez da foto mudou.

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova


Mr. Hyde

  • Trade Count: (4)
  • Referência
  • *****
  • Mensagens: 16.575
  • Sexo: Masculino
    • Faceboock
Resposta #14 Online: 19 de Março de 2014, 11:56:25
Foco nunca se expande, é sempre em um único plano de espessura tendendo a zero. Independente da profundidade de campo.

Eu já pensei muito sobre isso...
Como é "ponto" de foco ele é admensional. Não tem altura, profundidade e largura. Não tenho certeza da minha afirmativa, mas acho que ele não tende a zero. Mas compreendo o raciocínio e ele realmente faz sentido.

____________________
"Deus perdoe o Mal que habita em mim" M. Nova